sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Seminário de Educação em Direitos Humanos de Curitiba

As mulheres sempre foram protagonistas na sociedade e cada vez mais elas conquistam espaços. A Central Única das Favelas do Paraná, além de reconhecer as mulheres igualitariamente na construção da instituição no estado, elas tem comandado o nosso bonde com maestria. Comenta Zé da Cufa. Hoje, contamos com um time profissional nas nossas bases paranaenses, a exemplo: Andreia Lima - Coord. Parolin Curitiba, Patrícia Machado - Coord. de Colombo, Luciana Macedo - Vice Presidente do Paraná, Karem Cogo - Coord. Geral de Comunicação, Fernanda Fetter - Coord. de Dança e fundadora da Cia 5S em Toledo, Maiza Hattori e Najdaty Andrade - ambas coordenadoras de projeto em Loanda, Miclelle Praxedes – Coord. de Projetos Cufa Vista Bela em Londrina, entre outras. Estas mulheres tem proporcionado ações educativas, sociais, empreendedoras e culturais visando empoderar as mulheres, especialmente aquelas vitimas de racismo, violência ou exclusão. Desta forma, no ultimo dia 23 de Novembro, Andreia Lima, participou do Seminário de Educação em Direitos Humanos de Curitiba. Em sua mesa foram discutiram duas linhas: Gênero na Educação e As Vozes das Mulheres Negras. Na ocasião Andreia explanou sobre dia a dia das mulheres negras na favela, além de expor sua atuação junto as mulheres no Estado do Paraná. Os direitos são para todos, mas em algumas casos por vários motivos deixam de ser eficaz e validados. O que temos que ter em mente é que os direitos são garantidos em Constituição, independente de raça, sexo, nacionalidade, religião. Comenta Andreia (camiseta branca). E o que fazemos é fazer valer os direitos de forma igualitária á todas mulheres, principalmente as negras de favela.
Contato:
jose.cufaparana@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário